V Colóquio Nacional de Pequenos Frutos reúne setor em Oeiras

Falta menos de um mês para a realização do V Colóquio Nacional da Produção de Pequenos Frutos, um evento que vai juntar produtores, investigadores e outros profissionais do setor. O programa, que já se encontra encerrado, vai reunir mais comunicações do que nas edições anteriores.

Serão realizadas 25 comunicações orais, contando-se entre elas sete por convite. A sessão de painéis conta com 36 comunicações repartidas pelos cinco temas do Colóquio.

As apresentações convidadas são da responsabilidade de investigadores/professores de renome, nacionais e estrangeiros, que irão desenvolver temas tão diversos como a produção de morango no sistema “tray” e a fertirrega na produção de framboesas “long-cane” em substrato. Na sessão Sanidade Vegetal serão apresentadas perspetivas de controlo da praga Drosophila suzukii e da doença Phytophthora em framboesas.

No tema Qualidade e Benefícios para a Saúde irão ocorrer duas comunicações, em que serão apresentadas recomendações para a qualidade na cadeia de abastecimento e a caracterização da atividade biológica da framboesa tendo como objetivo o desenvolvimento de uma alegação de saúde.

No dia 15 de outubro decorrerá a sessão sobre a organização da produção e comercialização que conta com uma comunicação por convite sobre estratégias de internacionalização, instrumentos bilaterais e política comercial, e a plataforma GlobalAgrimar.

O colóquio termina com uma mesa redonda com sete empresas relevantes no panorama nacional e europeu, em que haverá oportunidade de discutir temas como a melhoria da produção nacional e uma melhor integração nos mercados.

Em simultâneo com os trabalhos do V Colóquio Nacional da Produção de Pequenos Frutos, irá decorrer uma exposição e venda de produtos derivados do fruto transformado. Estarão presentes uma dezena de expositores, entre empresas de transformação e produtores de pequenos frutos, que irão mostrar as inúmeras potencialidades que o fruto transformado oferece.

Compotas, geleias, marmeladas, licores, infusões, fruto desidratado, sabões, sumos, gelados, laticínios, pastelaria e néctares, provenientes da produção de fruto em modo convencional e biológico, são algumas propostas que podem representar uma mais-valia através da transformação dos pequenos frutos e que poderá descobrir durante o colóquio nas instalações do INIAV em Oeiras.

O colóquio termina com uma visita técnica a duas explorações de pequenos frutos na região das Caldas da Rainha e de Almeirim em que os participantes no colóquio terão oportunidade de trocar experiências e verificar as melhores técnicas de produção de morango, framboesa e mirtilo.

Para mais informações e inscrição no Colóquio: http://www.aphorticultura.pt/vcnppf.html

#Eventos #PequenosFrutos

0 visualização0 comentário

©2023 - Root. All Rights Reserved. Designed & Developed by Broono

  • Facebook
  • Instagram
  • LinkedIn