Produtores da UE pedem medidas urgentes para apoiar mercado europeu do arroz

Oito países da Europa produtores de arroz, entre os quais Portugal, pediram à Comissão Europeia o estabelecimento de medidas urgentes para apoiar o mercado europeu do arroz.

A iniciativa envolve, para além de Portugal, a Itália, França, Espanha, Bulgária, Grécia, Hungria e Roménia. Os respetivos ministros da Agricultura assinaram um documento estratégico com quatro pedidos fundamentais, incluindo a salvaguarda de cláusulas de importação de países menos desenvolvidos, o reconhecimento da especificidade do sector na nova Política Agrícola Comum, a promoção do consumo de arroz europeu através da sua identificação nos rótulos e a realização de estudos sobre os efeitos destes sistemas em países menos desenvolvidos.

De acordo com uma análise recente, desde 1 de setembro de 2009, quando se deu a total liberalização das importações, a taxa de importação de arroz aumentou 65%, chegando a um valor recorde de 1,34 milhões de toneladas em 2015/2016. No mesmo período, houve também um aumento de 45% na importação de arroz em pequenas embalagens, enquanto os stocks na Europa atingiram os níveis recorde de 586 mil toneladas, 30% da produção da União Europeia.

Ler aqui.

0 visualização0 comentário

©2021 - Root. All Rights Reserved. Designed & Developed by Broono

  • Facebook
  • Instagram
  • LinkedIn