Galucho “empresta” as suas máquinas a jogo de computador

A Galucho, uma conhecida empresa portuguesa de maquinaria agrícola, é uma das marcas que dá vida ao jogo Pure Farming 17, um simulador de agricultura dedicado aos entusiastas e por jogos e computador e agricultura, que procuram uma experiência de jogo completa e imersiva.

A Galucho aceitou o desafio e integra a edição do jogo com inúmeros equipamentos da marca disponíveis para todos os jogadores. A data prevista para o lançamento do simulador é fevereiro de 2017, adianta a revista Agricultura & Mar Actual.

As plataformas virtuais e simuladores de atividades proporcionam experiências únicas para os entusiastas e profissionais da agricultura. Atenta a este fenómeno, a Galucho aceitou o desafio da Techland s.p., empresa responsável pelo desenvolvimento do jogo Pure Farming 17, e, como consequência, estará representada no simulador que foi desenhado com o objetivo de oferecer uma “experiência digital rica e bastante abrangente aos interessados”.

Investir, Trabalhar, Colher

É certo que a diversão e o entretenimento estão garantidos, num jogo dirigido quer a novatos quer a profissionais do setor. Com vários modos de jogo, o utilizador terá oportunidade de construir o seu negócio no ramo da horticultura, fruticultura, pecuária, fertilização de terrenos, entre outros, e expandir a sua atividade à escala global.

Segundo João Freire, Diretor de Marketing da Galucho, a empresa vê esta presença no jogo como uma “excelente oportunidade de divulgação da marca junto do mercado internacional”, para além da satisfação de poder disponibilizar os equipamentos virtuais aos clientes, parceiros e fãs do jogo. A empresa tem atualmente centros de produção em Portugal e na Argélia.

Fonte: Agricultura E Mar Actual/PCGaming

#Comunicação #Marcas #Marketing

0 visualização0 comentário

©2021 - Root. All Rights Reserved. Designed & Developed by Broono

  • Facebook
  • Instagram
  • LinkedIn